O que é operação London Bridge? Entenda como morte da rainha é anunciada

O Reino Unido entrou em alerta para o estado de saúde da rainha Elizabeth 2ª, de 96 anos. Caso a monarca não resista às complicações, o palácio de Buckingham colocará em prática a operação London Bridge, que consiste em um plano sobre como a morte dela deverá ser anunciada.

O protocolo funciona da seguinte forma: Sir Edward Young, secretário pessoal da rainha, será o primeiro funcionário a ser informado logo após as equipes médicas avisarem familiares próximos, incluindo o herdeiro do trono, o príncipe Charles.

Young, então, deverá fazer uma ligação para a primeira-ministra, Liz Truss, para dizer a frase “London Bridge is down” (A Ponte de Londres caiu, em tradução livre). Os funcionários do primeiro escalão serão informados por meio de uma linha interna segura, com a mesma frase.

O Centro de Resposta Global do Ministério das Relações Exteriores vai dar a notícia aos 15 governos dos países onde Elizabeth 2ª é chefe de Estado e para os outros 38 países da Commonwealth (Comunidade das Nações). Enquanto isso, um funcionário enlutado terá que ir ao Palácio de Buckingham para colocar na porta da residência real uma nota oficial sobre a morte da monarca.

Os veículos de comunicação oficiais para o anúncio da morte da rainha serão a BBC News e a agência britânica Press Association. Na ocasião, os âncoras e repórteres deverão estar trajados em preto, e toda a programação dos canais será suspensa para uma ampla e detalhada cobertura do ocorrido.

Os sites, tanto de imprensa quanto da coroa britânica, também receberão um layout preto com uma mensagem de luto.

O Parlamento será convocado em cerimônia especial e fará vários dias de luto. A posse do príncipe Charles, herdeiro da coroa britânica, será proclamada no dia seguinte à morte, às 11h locais (7h no horário de Brasília). 

O dia da morte de Elizabeth será nomeado como Dia D, e todos os dias seguintes serão Dia D1, Dia D2, até o funeral, que ocorre ao 10º dia após o ocorrido.

Saúde em alerta

A rainha Elizabeth 2ª está em observação no Castelo de Balmoral, na Escócia. Nesta quinta (8), a comunicação do Palácio de Buckingham informou que os médicos da monarca estão preocupados com o estado de saúde dela. A família real já foi acionada, e alguns parentes estão a caminho do local, como o príncipe Harry e Meghan Markle –o que indica a gravidade da situação.

A BBC, principal veículo de comunicação britânico e fonte de notícias sobre a família real, dedica toda sua programação à cobertura do estado de saúde de Elizabeth 2ª. Fontes da emissora afirmaram que “algo sério está realmente acontecendo”. O ex-correspondente real Richard Sumner alegou que “o corpo dela está cedendo”.

Não se esqueça de curtir nossa página no Facebook para mais notícias do BAC NEWS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s