Maraisa chora de saudade de Marília Mendonça na TV: ‘Coração ainda dói’

Exatamente um mês após a morte de Marília Mendonça (1995-2021) em um acidente aéreo, Maiara e Maraisa concederam entrevista ao Fantástico. Neste domingo (5), as irmãs choraram de saudade da amiga, mas demonstraram a importância que ela tinha. Além disso, as gêmeas foram anunciadas como madrinhas de uma nova dupla sertaneja, que tem o irmão de Marília como um dos integrantes. 

“O coração ainda dói muito, a gente sofre. Eu não queria chorar. Graças a Deus, nós somos todos privilegiados porque ela escolheu a gente. Deus deu uma oportunidade incrível, o negócio das Patroas ela que dirigia”, disse Maraisa. 

Questionada por Poliana Abritta sobre como lidaram com a perda, Maiara falou: “Estamos indo bem, eu acho, na medida do possível. Recebendo muita força dos fãs, fé e Deus em primeiro lugar”. 

“Ela viveu intensamente tudo, ela preparou tudo. Ela tinha uma intuição”, relembrou a outra gêmea, ao destacar que Marília trabalhou muito nas semanas que antecederam a sua morte. 

Além de cantarem no estúdio do Fantástico, Maiara e Maraisa também apresentaram a dupla Dom Vittor e Gustavo, que era uma aposta da intérprete de Infiel. “É uma responsabilidade nossa”, confessou a artista. 

Irmão de Marília Mendonça, João Gustavo pensou em desistir da carreira após a morte da irmã. Ela estava o ajudando a entrar na carreira de cantor sertanejo. “O meu primeiro pensamento foi parar, falei que não queria continuar”, admitiu. 

“Só que aí eu pensei que se eu parasse eu ia ter que carregar a dor de perder a minha irmã e de ter fracassado no que ela me encaminhou, ela encaminhou o Dom e eu”, justificou ele. Boa parte da equipe de Marília Mendonça foi contratada pela nova dupla. 

Dom Vittor e Gustavo fizeram o lançamento da primeira música póstuma da sertaneja: Calculista. Ela aparece no clipe da canção. A dupla também cantou Ângulo Perfeito e Esqueça-me Se For Capaz. 

Em 5 de novembro, a aeronave em que Marília Mendonça e outras quatro pessoas estavam bateu em cabos da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) em Caratinga (MG). A cantora realizaria um show no município. Ela, o piloto Geraldo Medeiros, o copiloto Tarciso Viana, o produtor Henrique Ribeiro e o tio e assessor da artista, Abicieli Silveira Dias Filho, morreram. 

Não se esqueça de curtir nossa página no Facebook para mais notícias do BAC NEWS.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s